Comunicado [2018-06-30]

Política não pode acolher quem a desrespeita

Face às permanentes provocações e desrespeitos que o Presidente da Junta da União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira manifesta relativamente Partido Socialista, quer seja o PS Nacional, o PS Moita, e até o PS Barreiro, queremos publicamente dar conta do nosso absoluto e mais profundo repúdio por este sistemático comportamento que consideramos inaceitável.
Como é evidente, e dadas as características deste autarca, desrespeitador dos mais elementares princípios éticos e democráticos, recorrendo sistematicamente à mentira descarada e provocação sem controlo, o Partido Socialista da Moita deixa aqui definitivamente expresso que a palavra deste personagem politico, deixou de ter para nós qualquer relevo no debate politico que se quer sério, honesto e plural.

O uso dos vários instrumentos de comunicação, nomeadamente o facebook, exige transparência e rigor na mensagem, condições que o Presidente da União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira não observa. Assim, e porque o PS Moita quer destinar o seu precioso tempo a lutar por melhores condições de vida para a população do concelho da Moita, comunica aos cidadãs e cidadãos que os absurdos e ofensivos comentários por parte do referido politico não constituirão de hora avante qualquer importância no dialogo politico para o qual o PS está e sempre esteve disponível.

De qualquer modo, qualquer referência que venha a ser feita que contenham indícios do foro criminal, serão objeto de tratamento nos sítios corretos.
Para nós, que fique claro de uma vez por todas, a política é um ato de imensa nobreza que não pode acolher quem a desrespeita.

30 de junho de 2018

Direção Politica da Concelhia da Moita do Partido Socialista